Sobre 

Felipe Turner é artista de múltiplas vertentes expressivas, dedica-se a produção literária, plástica e  musical em formas integradas. Foi estudante de História da Arte (Unifesp) e Letras (Usp), sua busca é trazer para a superfície do olhar, através da composição plástica e poética, a dimensão de epifanias que faz da arte uma vivência, tanto sensorial quanto espiritual e transcendente em si. É pesquisador da lingua grega antiga, das medicinas da floresta e do taoísmo, estudos dos quais inspiraram o Manifesto Miracionista, ensaio poético sobre as manifestações da cura pela arte.

Autor de Sinfonia do Caos (2016), e Caduceu (2019) a poesia é sua via de projeção e reflexão desde cedo. Os 49 poemas d0 Sinfonia foram escritos entre 15 e 22 anos de idade e abordam como um caleidoscópio as diversas faces do mundo e como a pluralidade de óticas, idéias e teogonias das mais diferentes vertentes podem também ser congruentes e que dentro deste campo harmônico de signos é possível, através da poesia, acessar novas formulações e discernir o Caos por novos prismas. O poema título do livro foi premiado no Concurso Nacional Novos Poetas (2014), onde foi publicado com outros autores em  antologia poética. Caduceu é seu livro de poesia ilustrada, teve pré-lançamento em julho/2019 no circuito off-FLIP na Casa da Porta Amarela, Paraty - RJ, em São Paulo foi lançado na Livraria Cultura e no Zap Slam.

 

 

 

 

 

 

Participou de exposições de arte na Livraria Cultura, Sensorial Discos, Bowl House e Escola de Artes de Osasco. Sua composição é inspirada no peculiar uso de perspectivas de M.C. Escher, a solúvel plástica de Dalí e o tom enigmático de William Blake. Deste oriente artístico, juntamente com florescências e um toque de pop art, é tecida a linha de expressão e plástica que vem se desenvolvendo e recriando desde 2012. Também mescla a técnica da aquarela com  o stencil, fazendo um intercambio do street art para o ambiente sutil das pequenas nuances e degradês aquarelados.

        Lunática

"Com uma forte referência surrealista, o artista Felipe Turner envereda por um caminho onírico, repleto de sensações que claramente parecem um caminho sem volta. O olhar do espectador continuamente fica atento aos detalhes mais recônditos da obra. A obra tem cor, perspectiva e harmonia únicos. Elementos primordiais na trajetória do artista."

(José Carlos Honório - Curador - Livraria Cultura)

@turnerfelipe

COMBO SINFONIA DO CAOS E CADUCEU

R$ 60,00

Frete Gratis!

SIGA-ME

  • Instagram ícone social
  • Facebook Social Icon

© 2019 por Felipe Turner